IMIP

Hospital Pelópidas Silveira


HPS promove ações pelo Dia da Segurança do Paciente


Unidade vem desenvolvendo ao longo dos anos uma série de experiências exitosas na área

Com slogan “Trabalhadores seguros, pacientes seguros”, o Hospital Pelópidas Silveira (HPS/ Gestão IMIP) se engajou, de terça (15.09) a sexta-feira (18.09), nas ações mundiais voltadas para o Dia da Segurança do Paciente, comemorado na última quinta-feira (17.09). O tema foi escolhido pela Organização Mundial da Saúde pensando na pandemia da Covid-19 e a importância do cuidado para garantir a saúde dos profissionais e seus pacientes. 
 
No HPS, as ações foram elaboradas pelo Núcleo de Segurança do Paciente e de Segurança do Trabalho e abordaram, por meio de palestras e atividades, a saúde mental dos profissionais de saúde em tempos de pandemia da Covid-19, palestras sobre a segurança do paciente, depoimentos das lideranças dos setores e de profissionais da unidade que falaram sobre a convivência com a doença. 
 
Um grande painel com várias mãos e mensagem, intitulado “Unidos Pelo Cuidado” foi montado na entrada da unidade. No final do evento, na sexta-feira, a unidade promoveu um concurso musical com canções relacionadas ao tema da segurança do paciente. 
 
SEGURANÇA - Desde 2015, o Hospital Pelópidas Silveira vem desenvolvendo uma série de experiências exitosas na área de segurança do paciente. Naquele ano, a unidade implantou Projeto Paciente Seguro, uma iniciativa do Ministério da Saúde, por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (PROADI-SUS), que possibiitou que o HPS fosse acompanhado pela equipe do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, desenvolvendo projetos em diversas áreas, como avaliação e incorporação de tecnologia, capacitação de recursos humanos e desenvolvimento de técnicas e operação de gestão em serviços de saúde. Com isso, a unidade avançou nos indicadores de qualidade do atendimento, segurança do paciente e ampliação do conhecimento por parte dos profissionais de Saúde.
 
Já em 2018, o Hospital foi selecionado, também pelo Ministério da Saúde, para participar do Projeto “Melhorando a Segurança do Paciente em Larga Escala no Brasil”, com o objetivo de qualificar e capacitar profissionais de saúde para reduzir o número de infecções relacionadas à assistência à saúde e também acidentes adversos nas UTIs.
 
“A preocupação com a segurança do paciente está na rotina do Hospital Pelópidas Silveira e envolve toda a equipe da unidade, sendo permanentemente pelo fomentada na nossa rotina. Neste ano, este tema tornou-se ainda mais relevante para toda a comunidade hospitalar, já que, diante da pandemia da Covid-19, muitos profissionais de Saúde tornaram-se, infelizmente, pacientes”, destaca o superintendente do HPS, Caio Souza Leão. 
 
DIA MUNDIAL – O Dia Mundial da Segurança do Paciente, homologada há dois anos, pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e lembrada pela cor laranja, chama atenção para os cerca de 140 milhões de erros anuais na assistência hospitalar, que, em algumas oportunidades, levam a casos irreversíveis. 
 
A data também reforça os seis princípios fundamentais para a minimização do problema, lançados pela OMS e ratificados pelos 194 países-membros da entidade internacional. São eles: identificar o nome dos pacientes; melhorar a comunicação entre os profissionais de saúde; melhorar a segurança na prescrição no uso e na administração dos medicamentos; assegurar a cirurgia no local de intervenção, procedimento e pacientes corretos; higienizar as mãos e evitar infecções; e reduzir o risco de quedas e úlceras por pressão.
 
Com as ações coordenadas, propostas pela OMS desde a 72ª Assembleia Mundial da Saúde, em 2019, expectativas são geradas em torno de uma rede de proteção com intuito de melhorar índices, principalmente no que diz respeito às falhas cometidas em hospitais dos países de baixa e média renda em relação às redes de saúde dos países ricos – cuja relação de erro não intencional é de 1 para 10 internados. Outra prioridade é diminuir os casos de mortes mundiais, que ultrapassam dois milhões de óbitos, anualmente, para que a Segurança do Paciente receba um olhar diferenciado, que não apenas leve a um redesenho de toda a sistematização de processo de assistência, mas que se crie uma cultura de segurança.


Hospital Pelópidas Silveira Hospital Pelópidas Silveira

BR-232, KM 6, Curado – Recife/PE - CEP: 50.730-680

Governo de Pernambuco